Banner Livro Música para pensar Banner topo – Piauí Shopping Banner Topo Pivel MARCELLO ALBANO TOPO Banner Topo – Datapicos BANNER DA CLÍNICA CARDIOTRAUMA TOPO Banner Topo Colégio Santa Rita
amarca

SEXTA-FEIRA, 15 de DEZEMBRO de 2017

DITADURA CUBANA

Cuba realiza eleições municipais, sem oposição

Os eleitores devem escolher conselheiros dentre os mais de 27 mil candidatos propostos por assembleias locais, nenhum deles membros da oposição

26 de novembro de 2017

 

Cubanos carregam super retrato de Raul Castro pelas ruas de Havana, ditador e sucessor do irmão Fidel Castro, ele mantém governo com mão de ferro (Foto: Divulgação)

Os cubanos elegem neste domingo seus representantes municipais em todo país, em eleições sem candidatos de oposição e que marcam o início do processo de sucessão presidencial da ilha, previsto para ocorrer no ano que vem. Mais de oito milhões de eleitores foram convocados para a votação, marcada para um ano depois da morte de Fidel Castro, mas o voto não é obrigatório.

Os eleitores deve escolher 12 mil conselheiros, dentre os mais de 27 mil candidatos propostos por assembleias locais, nenhum deles membros da oposição. Dentre eles, sairão os candidatos para eleições provinciais e gerais, para as quais ainda não há data, mas que deverão ser realizadas no prazo de 90 dias. Os nomeados para fazer parte da Assembleia Nacional, por sua vez, elegerão o Conselho do Estado e o presidente.

Secção eleitoral em Havana, neste domingo, cumpre apenas uma formalidade, pois não há candidatos de oposição no país (Foto: Divulgação)

Estas eleições são, portanto, o primeiro passo para o processo que deve terminar por volta de fevereiro do ano que vem, com a eleição do substituto de Raúl Castro, na primeira troca de geração do governo comunista cubano em quase 60 anos. O nome mais citado nessa esperada troca de governo é o do atual vice-presidente, Miguel Díaz-Canel.

Neste domingo, Díaz-Canel defendeu a “continuidade” da Revolução liderada por Che Guevara e mantida pela Família Castro. “Eu não vejo rupturas no nosso país, creio que tem de haver continuidade. Tem muitos jovens como delegados (conselheiros)”, disse, depois de votar. Questionado sobre a possibilidade de se tornar presidente de Cuba, ele evitou se pronunciar, mas disse que no futuro “haverá presidentes em Cuba sempre defendendo a Revolução e serão companheiros que sairão do povo, o povo os elegerá”, disse.

Posts Relacionados

Colunistas
Notícias Mais Lidas
Últimas Notícias

TV Folha Picoense

Solo de violão, incrível…

Publicidades

Banner lateral – New Motos Honda
BANNER LATERAL LABORATÓRIO MARCELLO ALBANO
Banner Lateral – Casa do Automóvel
Banner Lateral – Central papelaria
Banner Lateral – Dr. José Almeida Leal
Banner Lateral – Dr. Alisson Cavalcanti
BANNER LATERAL CARDIOTRAUMA ALBANOS
Banner Lateral – Novajet
Banner Lateral – Dra. Ana Lúcia
Cultura FM ap – Lateral
Banner lateral – Sintracs